sábado, 11 de outubro de 2008

Tempestade


A tarde estava calma e linda,
O sol brilhava e escaldava,
Só dentro de mim…
Dentro do meu coração
Havia uma tempestade,
Numa tarde cinzenta e de invernia,
Todo o meu ser se agitava,
Meu ser formava ondas.
Ondas que se encapelavam desvairadas
Numa cólera sombria,
Capazes de serem mais fortes
Que a cólera das ondas do mar!
As minhas lágrimas são a chuva,
A chuva dessa invernia tão dura
Que caíam, que deslizavam tão ferozmente,
Que só elas formavam a tempestade.
Eram lágrimas tão frias, tão geladas,
Quase mais geladas que a neve.
A neva que não degela com o mais quente sol,
Que não degelava com o sol quente da tarde!
Meus suspiros e meus ais,
Pareciam o vendaval na noite das trevas.
Meu coração, era uma rocha imensa de gelo,
Dura, insensível, gelada e incapaz de amar,
Incapaz de quebrar com o calor do sol,
Incapaz de quebrar com a mansidão da tarde!
Meus olhos, que eram duas estrelas,
Que me acompanhavam dia e noite,
Nas minhas horas de alegria e aflição,
Que brilhavam mais que um diamante,
Meus olhos se transformaram …
Deixaram de ser estrelas,
Belas brilhantes, para serem calhaus.
Calhaus duros, escuros e sem vida.
Vida que desapareceu com as lágrimas.
Lágrimas que são o bocadinho da minha alma dorida.
A minha esperança mais cara
Em que eu pus todo o fervor,
Era de ser feliz. Só queria ser feliz,
Amar e ser amada, dar e partilhar,
Apagar o passado e tudo recomeçar.
Só queria ser feliz,
Minha esperança mais cara,
O meu desejo impetuoso,
Era ser feliz, mas …
Era uma tempestade numa tarde calma.


07/05/1991

beanabela

6 comentários:

ki-colado disse...

Tanto que eu tinha para contar,
tanto que eu tinha para dizer!
Apenas me limitei a olhar,
apenas me limitei a ler,

Foi por tanto querer dizer,
a palavra que estava travada,
que os céus no azul se abriram.
E um lindo anjo encanto apareceu.

http://www.youtube.com/watch?v=fmd-dBcvQag


Bom fim de semana.

Susie Sun disse...

**

Belíssima reflexão poética na qual sua alma expressa sentimentos vividos.

Seu espaço é muito bonito e aconchegante,elegante, um jardim da alma que a minha alma gostou de adentrar.

Um ótimo final de semana pra vc também!

Susie Sun

Maria Clarinda disse...

(...)Meus olhos se transformaram …
Deixaram de ser estrelas,
Belas brilhantes, para serem calhaus.
Calhaus duros, escuros e sem vida.
Vida que desapareceu com as lágrimas.
Lágrimas que são o bocadinho da minha alma dorida.
A minha esperança mais cara
Em que eu pus todo o fervor,
Era de ser feliz. Só queria ser feliz,
Amar e ser amada, dar e partilhar,
(...)


Lindo o teu poema...o pedaço que dele extraí tocou-me bastante!!!
Jinhos e bom fi m de semana

Ardeth disse...

Nossa foi um prazer conhecer seu espaço ... Adorei a intensidade !!!

Obrigado por sua visita e tenha um excelente domingo!

Abçs

Luis F disse...

Amar e ser amado... caminho para a felicidade, tantas coisas lindas que sempre desejamos.

Um poema que se sente e nos ajuda a reflectir.

Parabens amiga

Com amizade
Luis

Sunshine disse...

Olá!!

Pode ser longa, pode ser antiga ... mas é bela e sentida, um prazer lê-la.

Espero que ao longo de todo este tempo a bonança tenha vindo após a tempestade o teu desejo se tenha concretizado.

Bjs com mt carinho ...